Insights Tendências

Checklist SEO: Entenda como o recurso é precioso para sua empresa

por Martin Luz em 07/10/2020

Entenda tudo sobre o checklist de SEO para começar a ser aplicado em seu negócio. Crie um caminho relevante para a sua empresa na internet, seguindo essas dicas!

Fazer com que os conteúdos da sua página sejam vistos de forma orgânica pelos buscadores como Google, Big e Yahoo é uma tarefa bem difícil, mas não impossível. Sua empresa faz um checklist de SEO para que os conteúdos estejam sempre otimizados? Esse tipo de investimento, feito de maneira correta, pode render bons frutos à sua organização.

Pensando nisso, neste conteúdo explicaremos como funciona o checklist de SEO. Certamente, você já sabe que o leitor busca na internet sites que passam confiança e sanam as dúvidas que existem naquele momento. Mas para fazer com que seu site seja visto desta maneira, é preciso bastante trabalho. Confira!

Saiba usar as palavras-chave de forma correta em sua página

O primeiro passo para fazer com que o checklist de SEO seja feito de maneira correta, é saber usar as palavras-chave. É preciso que coloque os termos de forma natural, para que não soe repetitivo. 

Portanto, é recomendado que seja colocado sempre no primeiro parágrafo ou em um dos intertítulos e no último parágrafo. Para que seja possível atrair a persona definida, é preciso que o texto flua de forma leve. Ou seja, a palavra-chave escolhida deve ser colocada de maneira simples.

Além de colocar a palavra-chave nos textos que são publicados no blog, ela também precisa ser colocada de maneira correta nas páginas principais do site. Desta maneira, é possível que o site seja rankeado nas primeiras páginas dos buscadores.

URL precisa ser amigável

Muitos sites acabam ficando em posições muito abaixo nos buscadores, por falta de configuração de URL. Para o checklist de SEO ser certo, é preciso que a URL do site seja amigável e otimizada da maneira correta.

No exemplo abaixo, você pode conferir uma URL que é considerada não amigável para ser rankeada nos buscadores:

https://martinluz.com/index.aspx?id=56243612

Com a URL sendo colocada desta forma, além de ficar mais difícil a indexação do seu site nos buscadores, acaba não passando credibilidade para quem está pesquisando.

https://martinluz.com/afinal-o-que-e-marketing-emocional/ 

Esta é considerada uma URL amigável. A URL, para se enquadrar nos requisitos de checklist de SEO, precisa ter no máximo 5 palavras e apresentar a palavra chave. Isso, nas boas práticas de SEO, é considerado uma URL perfeita para ser bem rankeada nos buscadores.

Em seguida, para que você não corra risco de ter o seu conteúdo duplicado, existe a canonical tag. Ela permite a você informar ao mecanismo de busca qual é a versão preferencial de uma página web.

Através dessa marcação no HTML de uma página, é informada uma URL B que possui a mesma informação apresentada em uma URL A. Com isso, o mecanismo de busca consegue consolidar as duas URLs, dando autoridade para a URL que for marcada.

Para um bom checklist de SEO, é preciso que a palavra-chave tenha variações

Para que a palavra-chave não seja usada de maneira excessiva no texto, é preciso ter variações. Em suma, isso não dá margem para desconfiança dos motores de busca. Portanto, ter variações na palavra-chave é essencial.

Isso faz com que aumente a relevância da página para o LSI (Latent Semantic Indexing).

As variações de palavra-chave não servem apenas para ajudar na indexação do site, mas também para que consiga criar conteúdos voltados para cauda longa.

Na verdade, as palavras-chave de cauda longa, mesmo com um volume mais baixo que o termo principal, apresentam taxas de conversão mais altas.

De fato, é preciso ter certeza de que a sua estratégia, ao criar o checklist de SEO, se direciona para as variantes de palavras com cauda longa. Isso ajuda a otimizar todas as páginas do site e, também, a classificar em uma variedade maior de termos.

Meta description

A meta description é uma tag de marcação onde o webmaster indica para a ferramenta o resumo da página. Esse é um dos pontos fundamentais do checklist de SEO, se tornando um elemento bastante conhecido e que deve ser aplicado de forma correta.

Essa meta description é uma informação presente no HTML da página que é feita através de uma marcação especial, ou seja, através desta informação, o robô dos motores de busca avalia se o conteúdo faz sentido ou não para quem está pesquisando.

Para que a meta description seja efetiva, existem alguns pontos que devem ser levados em conta na hora da criação:

  • Ela não pode passar de 160 caracteres, senão fica cortada;
  • Apresentar a palavra-chave de maneira natural;
  • Precisa ser atrativa ao leitor fazendo ele querer clicar para saber mais.

Title tag ou título da página

O título de uma página é o que faz o leitor ter o primeiro interesse pelo conteúdo, portanto precisa ser algo bom e chamativo. Quando uma página oferece um browsing ou pesquisa, é recomendado que ofereça um título descritivo.

Porém, quando está fazendo a venda ou oferecendo o download de algum produto, é preciso deixar bem claro que a ação pode ser feita pelo site. Isso faz total diferença nos robôs que monitoram os buscadores.

Em resumo, existem alguns pontos que também devem ser levados em consideração na hora de criar uma title tag de qualidade, veja:

  • Citar a palavra-chave;
  • Ter no máximo 55 caracteres;
  • A palavra chave deve ser posicionada do lado esquerdo;
  • Formato correto do título, sendo ele comum: Título do post – Nome do blog;
  • O título deve estar formatado em H1.

Fazer a otimização das imagens

Os buscadores não conseguem ler as imagens para saber se elas fazem ou não parte do texto. Portanto, é preciso otimizar as imagens para facilitar o trabalho dos buscadores. Colocar alt tag nas imagens facilita esse trabalho e deixa o texto ainda mais otimizado.

Além de ajudar com os robôs, fazer a otimização das imagens também é útil quando o blog demorar para carregar. Em caso de que ocorra algum erro e o usuário não consiga carregar a imagem, com uma pequena descrição, ele já vai entender o contexto dela no conteúdo.

https://www.youtube.com/watch?v=VrtdOZ2BUNQ 

Para um bom checklist de SEO, é preciso pensar na criação de conteúdos perfeitos para os buscadores

Além de fazer o uso adequado das palavras-chave em todas as páginas do seu site, é preciso olhar outros aspectos do seu blog. De fato, isso serve para que o conteúdo seja visto como perfeito tanto para os usuários, quanto para os buscadores.

Hoje em dia, garantir uma experiência positiva do usuário (UX) é um dos maiores desafios para as empresas, portanto eles buscam fazer sempre bons conteúdos em seu site. Contudo, tem alguns pontos que devem ser levados em consideração e que é necessário ter em um checklist de SEO.

https://www.youtube.com/watch?v=ZEihNUibIeA 

Compartilhamento social

Uma pessoa que gosta do conteúdo que acabou de ler, em alguns casos, sente vontade de compartilhá-lo. Ou seja, um leitor engajado, ajuda a melhorar os resultados do SEO, compartilhando em suas redes sociais.

Para que isso fique mais fácil, deixar os botões de compartilhamento nas redes sociais é o melhor caminho. Esse tipo de botão também faz com que a experiência do usuário seja melhor, com essa simples finalidade de compartilhar o conteúdo em outros canais.

Velocidade no carregamento do conteúdo

Quando falamos de velocidade no conteúdo, queremos dizer que a sua página precisa carregar de forma rápida. Cerca de 75% dos usuários desistem de ler o conteúdo, pois demoram mais de 4 segundos para fazer o carregamento. Essa demora pode acabar se tornando um problema para melhorar o SEO do site.

Porém, existem alguns pontos que podem ser corrigidos dentro do site, que melhoram o carregamento da página:

  • Otimize o tamanho das mídias como vídeos e imagens dentro do texto;
  • Procure usar templates com códigos limpos;
  • Evite instalar muitos plug-ins;
  • Procure usar imagens em PNG;
  • Confira o impacto no uso de widgets e outros elementos em seu site e, caso tenham um desempenho ruim, retire-os.

Linkagem correta dentro do site

Para que o checklist de SEO seja feito de uma forma certa dentro do seu site, partindo das vertentes de conteúdo, é preciso obter bons links. Fazer esse tipo de linkagem ao decorrer do texto, se torna algo positivo em diversos aspectos:

  • Manter o leitor por mais tempo em seu site;
  • Os links deixam o conteúdo mais rico;
  • Comprovação de citações, dados ou pesquisas;
  • Melhorar o rankeamento da página;
  • Links externos: mostram para o leitor que o conteúdo foi baseado em outros sites que são confiáveis. Isso também auxilia no entendimento dos buscadores.

Os links, quando são usados de maneira correta, podem aumentar o tempo de duração de usuários em seu site ou até mesmo melhorar a fluidez de consumo do conteúdo. 

Caso a página não esteja ativa, através do link você pode redirecionar os usuários para uma outra página que está ativa.

Hoje em dia, existem ferramentas que fazem a análise e correção de links quebrados dentro do site, portanto recomendamos que sejam usadas as ferramentas para saber quais links estão ou não funcionando e melhorar o site.

Tenha um site responsivo

Como citamos acima, a experiência do usuário é a ferramenta que move o mercado neste momento. Os motores de busca, além de analisar o tempo de carregamento da página, analisam se o site é ou não responsivo.

Hoje em dia, essa característica é uma das mais importantes para que o site seja bem rankeado nos motores de busca. Isso ocorre porque a maioria das pessoas acessam os conteúdos por smartphones. Dessa maneira, o conteúdo precisa ser bem visualizado por esse dispositivo.

Portanto, averigue se o seu site e blog estão abrindo perfeitamente e estão sendo responsivos tanto no desktop quanto no smartphone. Fazer essa otimização, torna o aumento de visitas em seu site cada vez maior.

Atraia o interesse da persona

De fato, não adianta ter um site todo otimizado, mas que não está atraindo a persona de forma correta. Essa definição precisa ser elaborada de maneira assertiva, pois do contrário todo o esforço de otimização foi em vão.

Um checklist de SEO precisa de uma persona definida de maneira eficaz para que faça efeito por completo, desde a criação de conteúdo relevante até o compartilhamento e divulgação deste conteúdo.

Em síntese, quando a pessoa compartilha o conteúdo, quer dizer que foi relevante para ela a ponto de divulgá-lo com seu ciclo de amigos.

Criação de conteúdo relevante

Quando é decidida a persona, provavelmente o objetivo principal é alcançá-la de maneira positiva com um bom conteúdo, correto? Sendo assim, para que esse objetivo seja concretizado de maneira que renda bons frutos, investir na criação de um conteúdo relevante é essencial.

A criação de um conteúdo rico, como um e-book sobre um assunto relevante, é uma ótima estratégia. Quanto mais conteúdo relevante você oferece ao seu leitor, mais próximo ele chega de se tornar um lead promissor para a empresa.

Textos longos e bem desenvolvidos

Os conteúdos longos e bem desenvolvidos têm maiores chances de rankear nas primeiras páginas dos buscadores. De fato, conteúdos que têm bastante relevância para o usuário, o mantêm por mais tempo na página, além de passar mais autoridade.

Mas não se trata apenas de criar um conteúdo extenso, senão também de fazer o uso correto das palavras-chave. Do mesmo jeito que um bom conteúdo pode dar autoridade para seu site na internet, um conteúdo mal feito também pode prejudicar.

Faça o uso de diferentes materiais em seu site

Para conquistar a persona, é preciso envolvê-la de maneira total em seu site. A criação de um conteúdo vai além da parte escrita. Crie vídeos, infográficos, materiais ricos, podcasts, entre outros.

O investimento em diversos tipos de conteúdo, além de mostrar a versatilidade do seu blog em diferentes mídias, também pega uma gama maior de público. Por exemplo: há pessoas que preferem ouvir ao invés de ler o conteúdo, então a criação de um podcast é o canal perfeito para alcançá-las.

Verificar se o material é agradável para o leitor

Por fim, a escaneabilidade do conteúdo é o último ponto importante em um bom checklist de SEO, ou seja, é preciso ter certeza de que o conteúdo produzido está agradável para o leitor. Nesta checagem, existem alguns pontos importantes ao fazer uma boa avaliação:

  • Inserir, caso seja necessário, bullet points e palavras em negrito;
  • Parágrafos curtos com no máximo 5 linhas bem escritas e objetivas;
  • Verificar se o post tem, pelo menos, 3 intertítulos.

Esses pequenos tópicos contribuem para que, ao visualizar a página, o usuário entenda o que será tratado ao longo do texto, ou seja, caso ele precise interromper a leitura por algum motivo, que ele possa voltar depois de um tempo para onde parou.

Enfim, esses são alguns pontos relevantes para um bom checklist de SEO. Essa série de ajustes que precisam ser feitos, ajuda bastante para que o conteúdo orgânico do seu site tenha mais relevância nos buscadores.

Ao acessar nosso site, você reconhece que leu e entendeu nossa Política de Cookies e nossos Termos de Uso.